quinta-feira, 17 de março de 2016

É isto: inCORPOrando o erro


E aconteceu que profissionais de marketing, envolvidas na prospecção dos Jogos Pan-Americanos de 2007, insinuaram a possibilidade de desenvolver brindes para o evento com objetivo de colocar minha marca em circulação. Concebi e produzi 720 objetos em cerâmica de baixa temperatura, com decoração de figuras em oito movimentos coreográficos, na forma de quadros, colares e chaveiros, que permitiam agregar etiqueta de marca do cliente na embalagem.
E aconteceu que não rolou... Os produtos foram direto para bazares de benemerência. Se você pensa que fui ingênua ao iniciar a produção sem a homologação de protótipos e respectivo contrato, acertou! Se você pensa que incorporei este fracasso, privilegiando outro movimento, acertou também!
E acontece que só me permito objeto único e exclusivo, com repetição baixa de 30 itens, que mantêm  o valor comercial do protótipo.