domingo, 22 de fevereiro de 2015

Por dentro do OBJETO-CONCEITO



1





           LINHA HEXIE:
  CONTEMPORANEIDADE
           E TRADIÇÃO
      COMBINADAS COM 
           GEOMETRIA
            


Em 2012, lancei-me em pesquisa para desenvolver um tema a ser explorado em nova linha de objetos. A estrutura marcante do muxarabi [balcão mourisco, em toda altura da janela, comum na arquitetura colonial mineira] foi o ponto de partida, que se juntou conceitualmente à forma do hexágono, reforçando a intenção de carregar referências geométricas. Trabalhei nos desenhos, ora aumentando-os ora reduzindo-os e fragmentando-os, mas mantendo-os similares ao todo. Considerada enxuta, a linha Hexie contempla nove objetos nos quais se expressam tradição com contemporaneidade, que você verá na seção objeto-conceito.    

2


3

1 Detalhe de escultura da linha Hexie | 2 e 3 Linguagem contemporânea do muxarabi no restaurante Manish, em São Paulo. Projeto da ODVO arquitetura e urbanismo disponível na revista PROJETOdesign 380 Out.`11 | 4 Sobrado na chapada Diamantina MG, adquirido e tombado pelo IPHAN na década de 50, abriga o escritório regional do órgão e a Biblioteca Antonio Torres, que é subordinada à Biblioteca Nacional. Foto do Arquivo Central do IPHAN. Coleção Casas do Patrimônio | 5 Ilustração de Percy Lau do mesmo sobrado. Arquivo Central do IPHAN. Coleção Casas do Patrimônio


              
4
5


[Porque sem ele não haveria o começo, a linha Hexie é para me lembrar de agradecer ao 
meu pai RUY FRANCO ARANTES. Obrigada, in memoriam!]