terça-feira, 24 de maio de 2016

De volta para 2009




Quando me inscrevi na XXIII Mostra de Arte da Granja Viana em 2009 e me dispus a levar pessoalmente os quadros Ciranda, não poderia imaginar que não viajaria a São Paulo porque minha mãe precisou ser internada para se tratar de hepatite tóxica. Era véspera do feriado de Corpus Christi.
Apesar do contratempo, entrei em contato com Vera Bekin, curadora do evento, comunicando-lhe a impossibilidade de entregar os quadros no Centro Brasileiro Britânico. Para minha surpresa, ela disse que estava no Rio de Janeiro e que levaria meus dois exemplares, se os recebesse antes de sua volta a São Paulo. Posto isso, feito.
Ainda hoje, decorridos oito anos, quando olho para um dos Ciranda remanescente ou quando recebo o convite anual e a ficha de inscrição da Mostra, me lembro - e lembrarei sempre - do gesto de Vera a provocar-nos a motivação do comprometimento nas relações profissionais (e pessoais).  Deve ser este o nosso verdadeiro exercício do poder!